pulsando

Seguidores

terça-feira, 8 de setembro de 2015

Poema: O SEGREDO DA RAINHA



Estou confusa...
Tu me dispensas tanta atenção, me
admiras com tanto amor, que chego a
mudar de cor.
Leva-me às festas, beija-me  e me chamas 
de " rainha" !
Aspiras o perfume que exalo, me  elogias, 
e eu  nada falo. 
Fico  muito feliz !
Ao sentir as tuas mãos, com especial leveza, acredito
 ser mesmo uma " alteza " !
Mas, com o passar dos dias, chega a tristeza.
Não sei porque me abandonas, esquecida
como se eu não fosse o teu amor, uma rosa 
flor.
Troca-me por outra mais viçosa, também
 cheirosa, por vezes de outra cor.
Pedaços meus, ficam  entre as folhas de 
algum livro teu, lembrando  momentos de 
felicidade e com toda lealdade, nada falo ao
teu novo amor.
Mata-me a sede, leva-me ao pedestal,  que
eu prometo exalar o mesmo sedutor perfume, 
sem uma gota, sequer, de ciúme.

Autor: SINVAL SANTOS DA SILVEIRA.

8 comentários:

  1. Respostas
    1. Oi, Bell !
      Fico muto honrado e agradecido,
      com a tua visita e registro.
      Um carinhoso abraço, querida !
      Sinval.

      Excluir
  2. Amei seu cantinho já estou seguindo, estou começando agora como blogueira gostaria que visitasse minha pagina e me seguisse, obrigada bjsss
    http://josianecavalli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Josiane Cavalli !
      Muito grato por todo este carinho !
      Irei ao teu blog, com mito prazer.
      Sinval.

      Excluir
  3. "Pedaços meus, ficam entre as folhas de
    algum livro teu, lembrando momentos de
    felicidade e com toda lealdade, nada falo ao
    teu novo amor."

    Extremamente criativo!
    Bjus!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Tais Luso !
      Como fico feliz ao te ver por aqui,
      generosamente, prestigiando o meu
      blog. Muito agradecido, amiga !
      Um carinhoso abraço.
      Sinval.

      Excluir
  4. A imagem fulgurante vai muito bem com este poema do amigo Sinval.
    Gostei de o ler aqui.
    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, nobre Poetisa, Graça Pires !
      A tua opinião e presença, dão-me muito conforto
      sobre a qualidade do poema. Muito agradecido !
      Envio-te, com muito carinho, um fraterno abraço,
      aqui do Brasil.
      Sinval.

      Excluir

Querido leitor...seu comentário é muito importante para mim. Obrigado.