pulsando

Seguidores

quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Poema: A POETISA E O PESCADOR



Sensível e  inteligente, habitava 

aquela  mente,  uma linda poetisa !

Construía os seus versos com beleza

e  harmonia, conquistando todo aquele 

que o seu poema lia.

Sua graciosidade a todos encantava,

e despertou a paixão de  um rude 

pescador.

Parecia pretensão demasiada,  

namorar uma mulher tão refinada !

Nem  compreendia os seus escritos, 

o  humilde  trabalhador.

Sua paixão era comovente,  e até 

humilhação vivenciou.

Mas seu barco e suas calejadas mãos,

sensibilizaram  a  criatura !

As gaivotas,  como cupidos em  ação,   

levavam  e traziam recados, tocando 

aquele  nobre coração.

O  que parecia impossível, em realidade 

se tornou !

Um  casal apaixonado, cheio de amor !

Ela, em terra firme,  belas  poesias foi

construindo.

Ele, em alto mar, sob os aplausos dos

biguás, pescando os peixes para a sua 

amada alimentar !

Junto-me, agora, aos pássaros marinhos 

e, também, aos passarinhos, para desejar 

ao feliz casal, muito amor,  na terra e no 

mar !
Sinval Santos da Silveira

5 comentários:

  1. Olá, querido amigo, linda história de amor, sim, pode acontecer, mesmo com essa diferença. Para o coração essa 'distância' não interessa.
    Um ótimo ano pra você, com alegria, saúde, paz, extensivo a sua família!
    beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, querida Amiga, Taís Luso !
      Este poema foi motivado por uma história
      100% real. São meus amigos e estão muito
      felizes !
      Muito grato, também, pelos votos, os quais
      retribuo de todo o coração.
      Um fraterno abraço.
      Sinval.

      Excluir
  2. Um poema cheio de sensibilidade, meu amigo Sinval. Claro que o pescador conquistou a poetisa através do coração...
    Junto-me também "aos pássaros marinhos e, também, aos passarinhos, para desejar ao feliz casal, muito amor, na terra e no mar !"
    Que o ano de 2017 seja excelente, amigo.
    Um beijo daqui de Portugal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Amiga querida, Graça Pires,
      FELIZ ANO NOVO !
      Pois é. Esta história, tão linda,
      é a dos meus amigos, pelos quais
      torci muito e estão felizes.
      Muito agradecido pelo atencioso
      comentário.
      Um carinhoso abraço, aqui do meu
      Brasil !
      Sinval.

      Excluir
  3. linda poesia meu caro colega! Bela história de amor romanceada pela natureza! abraço

    ResponderExcluir

Querido leitor...seu comentário é muito importante para mim. Obrigado.